← Voltar na listagem

Criando toda a estrutura de um site usando o Strapi CMS

Nessa aula eu mostro como penso e monto o backend de um site institucional simples.

Introdução

Fala pessoal, eu recentemente comecei uma série de vídeos com dicas bem rápidas lá no meu canal do YouTube, mas como eu também gosto de texto e também quero facilitar a busca seja pelo Google ou pelo YouTube, vou portar os vídeos para cá também. Espero que dê certo =)

Vídeo

Utilizando tudo que o Strapi tem a oferecer

Quando eu vou montar um backend de qualquer coisa com o Strapi, eu tento pensar em cada pedaço e ver o que posso reaproveitar, o que será único e o que vai ser repetido. Baseado nisso, eu consigo definir se vai ser Single Type, Component, Collection Type.

Exemplo, para partes únicas de um site, como um Menu eu costumo criar como um Single Type, afinal de contas, todas as páginas vão possuir o mesmo componente, então nem faz sentido ficar adicionando/removendo nas collections.

Agora para estruturas que podem ou não se repetir em diferentes páginas eu costumo criar como Component, assim eu tenho a estrutura de dados e posso reutilizar nos seus devidos lugares.

E para as páginas em si, eu gosto bastante de utilizar o Dynamic Zone, que permite uma área onde você pode adicionar diferentes tipos de componentes, assim a sua página se torna super genérica, podendo ir desde uma Home, até a página de about, baseado em quais componentes você for utilizar.

No vídeo acima você consegue ver mais desses pensamentos em prática.

Conclusão

E aí, gostou da dica? Se curtiu, não deixa de se inscrever lá no canal do YouTube para essa e mais outras dicas.