Introdução

Caramba! Fazia tempo que eu não escrevia hein! Como estou subindo a serrinha para Petrópolis, resolvi aproveitar esse tempo e escrever um pouco. E advinha sobre o quê? Sim, sobre SVG!

Como de costume, estou ouvindo meu lindo Spotify e apaixonado com a lista de músicas dessa semana que prepararam para mim naquela playlist “Descobertas da Semana”, dentre as bandas estão: Mumford & Sons, RAC, Warpaint, The Kooks, etc.

Esse post será bem simples e introdutório, até mesmo porque se fosse sobre tudo, esse seria o maior post da história, visto que existem dezenas de bibliotecas JS para manipular SVG. O objetivo é mostrar como funciona, o que existe por aí e te fazer querer brincar além disso.

Em que momentos devo usar JS?

Como já dito em posts anteriores, tem como animar SVG com CSS e também com SMIL, então precisamos saber uns motivos para ter mais essa opção né? E elas são:

O que eu posso fazer com JS?

Bom…TUDO!! Sim, isso mesmo que você leu. Com JS nós podemos criar um SVG sem auxílio de uma ferramenta de edição chupa Illustrator. Podemos estilizar e também animar.

SVG e o DOM

Seleção e Manipulação de estilos

Como já sabemos, o SVG quando incorporado numa página de html5, se comporta como se fossem tags novas e, com isso, ele como um todo passa a ser reconhecido no DOM, permitindo sua manipulação.

Vamos considerar o seguinte SVG:

<svg id='icone-lindao'>
    <path id='curva' d='...' />
    <path id='outra-curva' d='...' />
</svg>

Através do javascript podemos fazer o seguinte:

var icone = document.getElementById('icone-lindao');
var curva = document.getElementById('curva');
var outraCurva = document.getElementById('outra-curva');

Com isso, já teríamos todos os elementos selecionados, para ter certeza que selecionou mesmo o elemento, basta imprimir no console.

console.log(icone);
console.log(curva);
console.log(outraCurva);

Sabendo disso, podemos aproveitar do nosso lindo javascript e manipular esse elemento como se ele fosse um outro qualquer do meu documento. Para estilizar, podemos usar o elemento.style e brincar com suas propriedades. Um exemplo seria mudar a cor do preenchimento (fill) do componente.

curva.style.fill = '#FAFAFA';

Além de adicionar estilos diretos, podemos adicionar uma classe/id ao elemento e deixar os estilos a cargo do próprio CSS. Para adicionar classes via JS, você pode usar de várias formas, aqui estou usando o classList, que acho bem fácil.

<style type="text/css">
    .vermelhinho { fill: red; }
</style>

<script type="text/javascript">
    curva.classList.add('vermelhinho');
</script>

Segue um exemplo fazendo algumas interações com um SVG:

See the Pen SVG JS interaction by Willian Justen de Vasconcellos (@willianjusten) on CodePen.

Criação e Manipulação de propriedades do SVG

Sim, nós podemos criar SVG direto com JS e manipular essas propriedades! Para criar um elemento SVG, precisamos entender alguns métodos importantes e suas informações.

Como dito no post de estrutura, o SVG possui um Namespace que o define como um XML do tipo SVG, este é: http://www.w3.org/2000/svg.

E para criar elementos SVG, utilizamos o createElementNS. A sintaxe é bastante simples:

var element = document.createElementNS(namespaceURI, qualifiedName);

Onde namespaceURI é o namespace do nosso SVG e o qualifiedName é o nome do elemento, por exemplo, se queremos criar um elemento SVG iremos usar esse nome, caso queiramos um círculo, vamos usar circle.

Após criado o elemento, precisamos definir atributos para o mesmo e para isso usamos o setAtributeNS. Que tem a seguinte sintaxe:

element.setAttributeNS(namespace, name, value);

O namespace aqui permanece o mesmo padrão para SVG. O name é o atributo que você quer definir, o raio de um círculo seria o r, por exemplo. E value é claro, é o valor dessa propriedade.

Abaixo segue um exemplo de como criar um círculo usando esses simples métodos:

See the Pen Creating SVG with JS by Willian Justen de Vasconcellos (@willianjusten) on CodePen.

Você consegue deixar algo mais interativo, editando alguma propriedade usando slides, eventos de botões, etc. Segue um exemplo movimentando um elemento num grid:

See the Pen Changing SVG properties with JS by Willian Justen de Vasconcellos (@willianjusten) on CodePen.

Bibliotecas de Manipulação

Apesar de ser bem simples de fazer as manipulações com JS puro, pode se tornar muito trabalhoso quando precisamos trabalhar com muitos elementos e animações mais trabalhosas. Para facilitar isso, é claro que nasceram várias bibliotecas. Algumas bem específicas para SVG e outras bem genéricas.

Vou listar aqui algumas bibliotecas bem bacanas e suas principais vantagens:

Snap.svg

Talvez uma das mais famosas bibliotecas de SVG que tem, criada pelo Dmitry Baranovski e mantida pela Adobe, é uma biblioteca que permite manipulação completa do SVG, desde a criação, estilização e animações complexas. Perfeita para quem quer trabalhar com ilustrações e não tem preocupação com suporte a I8 e abaixo.

Link do Snap.svg

RaphaelJS

Uma das mais antigas libs de SVG que tem, também criada pelo Dmistry, tem como premissa funcionar em navegadores muito velhos, inclusive o IE6. Possui uma API bastante simples de trabalhar e permite também criar, animar e estilizar o SVG.

Link do RaphaelJS

D3

É uma biblioteca para manipular documentos baseados em data. Perfeito para criação de gráficos, desde os simples até os mais trabalhados. Possui uma enorme gama de plugins, exemplos e uma ótima documentação. Para quem deseja trabalhar mais a sério com dados e SVG, essa é a lib mais indicada.

Link do D3

SVG.JS

Uma biblioteca bastante leve que permite também bastante coisa com SVG, como criação de novos elementos, estilizações e animações. Indicada para quem não quer carregar uma lib muito grande para fazer coisas um pouco mais simples.

Link da SVG.JS

Bonsai JS

Outra biblioteca bem leve, mas que permite bastante coisa. Tem uma API bem simples e interativa, podendo criar até joguinhos simples com ela.

Link da BonsaiJS

Greensock GSAP

Essa não é uma biblioteca específica de SVG, mas ela é incrível com qualquer coisa e merecia estar aqui em destaque. Essa lib tem uma das melhores APIs para animação na web. Possuindo ótima documentação e bons exemplos, aconselho muito.

Link do GSAP

Conclusão

Bom galera, eu mostrei aqui o básico de como brincar com o SVG e JS e algumas bibliotecas, agora é você partir para começar a brincadeira. Quem fizer exemplos legais, manda aí nos comentários, adoro ver coisinhas feitas com SVG <3